Quem são as mulheres que fizeram história na política mundial

Quem são as mulheres que fizeram história na política mundial

Política
Coleção Política
Quem são as mulheres que fizeram história na política mundial

Quais foram as mulheres mais influentes na política mundial? O que elas fizeram? Continue lendo este artigo para descobrir.

Neste artigo apresentaremos uma lista com as cinco mulheres que mais influenciaram os rumos da história e da política no mundo. Descubra como suas atitudes ajudaram a construir nossa política contemporânea.

Cinco mulheres que contribuíram para a política mundial

Por muito tempo a participação das mulheres na história e na política mundial passou despercebida. Muito pouco destaque foi dado para mulheres que, de diferentes formas, influenciaram o rumo dos acontecimentos em suas épocas.

Abaixo preparamos uma lista com cinco mulheres que tiveram grande destaque, e influência, no desenrolar da política mundial. Suas ideias e ações repercutem até hoje.

Emmeline Pankhrust

Se não fosse o movimento feminista, iniciado no século 19, as mulheres não teriam alcançado autonomia para participar do cenário político. Portanto, nada mais justo do que homenagear a memória de Emmeline Pankhurst, a colocando na primeira posição da lista.

Nascida em 1858, Emmeline Pankhurst teve grande relevância no movimento feminista e sufragista da Inglaterra. Tendo fundado, em 1903, a União Social e Política das Mulheres. Ela lutou ativamente pelo direito das mulheres ao voto e pela participação das mesmas nas decisões políticas do país.

Eleanor Roosevelt

Eleanor Roosevelt é comumente lembrada por conta de sua posição como primeira-dama dos Estados Unidos entre os anos de 1933 e 1945. Porém, sua real relevância para o cenário político mundial, foi sua postura como ativista dos direitos humanos.

Em 1945, ela se tornou Embaixadora dos Estados Unidos na ONU. E participou da comissão que elaborou a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Além disso, sempre adotou medidas que servissem de estímulo para a participação feminina na política nacional.

Rosa Parks

Nascida em 1913, dentro do período segregacionista dos Estados Unidos, onde os negros sofriam grave opressão por parte da população branca. Rosa Parks se tornou um símbolo da resistência negra.

Naquela época, uma das leis segregacionistas obrigava os negros a cederem seus lugares no transporte público aos brancos. Rosa Parks violou essa lei ao não ceder seu assento e, por conta disso, foi presa.

Esse ato foi o estopim para a insatisfação da comunidade negra vir a tona, o que fomentou boicotes, greves e manifestações. Após um ano de luta, a Lei da Segregação Racial dos Estados Unidos foi revogada.

Margaret Thatcher

Sendo apelidada de A Dama de Ferro, Margaret Thatcher foi a primeira mulher eleita chefe do governo Britânico em 1979. Período permeado por grave instabilidade e crise financeira.

Tal apelido foi fruto de seu comportamento extremamente rígido e seguro, ao implementar o neoliberalismo na Inglaterra como estratégia de combate à crise.

Elizabeth Eckford

Após o fim da Lei da Segregação Racial dos Estados Unidos, a população negra foi autorizada a frequentar as mesmas escolas que os brancos. Porém, esse não foi um processo simples e indolor.

Elizabeth Eckford foi uma das pioneiras, decidindo frequentar a escola Little Rock Central High School que, até pouco tempo, era exclusividade da população branca.

Sua entrada na escola foi barrada por manifestantes segregacionistas diversas vezes. Os manifestantes eram agressivos e gritavam ofensas graves todas as vezes em que ela tentava exercer seu direito de estudar no mesmo local que os alunos brancos.

Após muitas tentativas, Elizabeth Eckford só conseguiu entrar em Little Rock Central High School com o auxílio de oficiais da marinha. Que foram enviados pelo presidente Dwight Eisenhower para fazer sua proteção. 

Seja o primeiro a curtir!

Comentários

avatar

As pessoas também curtiram

Histórias relacionadas
1.
Pedra de 1,3 kg é retirada da bexiga de um lavrador baiano
2.
Dono da Havan diz que entrega presentes para casamento de Lula na prisão
3.
Pai raspa cabelo de filha que cometia bullying e gera polêmica
4.
Janaína Paschoal critica sanidade mental de Bolsonaro e ameaça deixar PSL
5.
Conheça a namorada de Lula, petista diz estar apaixonado e quer se casar
6.
Bolsonaro ‘perdoa’ R$ 70 milhões em multas de partidos políticos
7.
Bolsonaro usa vídeo “inusitado” para se defender das manifestações 
8.
Natura é alvo de boicote após propaganda “Coleção do Amor”
9.
Bolsonaro muda lei e aumenta a proteção para mulheres vítimas de violência
10.
Paula Fernandes e Luan Santana gravarão versão brasileira de Shallow
500x500
500x500