Twitter é um lugar tóxico para mulheres

As mulheres têm dito ao Twitter há anos que sofrem muito abuso na plataforma. Um novo estudo da organização de direitos humanos Anistia Internacional tenta avaliar o quanto. O resultadO muito.

Cerca de 7% dos tweets que mulheres proeminentes no governo e no jornalismo receberam foram considerados abusivos ou problemáticos. As mulheres de cor tinham 34% mais chances de serem alvos do que as brancas. As mulheres negras, especificamente, eram 84% mais propensas do que as brancas a serem mencionadas em tweets problemáticos.

Depois de uma análise que incluiu quase 15 milhões de tweets, a Anistia Internacional divulgou os resultados e, em seu relatório, descreveu o Twitter como "

um lugar tóxico para as mulheres
". 

A organização, que talvez seja mais conhecida por seus esforços para libertar prisioneiros políticos internacionais, voltou sua atenção para as empresas de tecnologia ultimamente e pediu à rede social que "disponibilize dados significativos e abrangentes sobre a escala e a natureza do abuso e como eles estão lidando com isso ".

0