SEGUE
Saúde

Vida saudável Coleção

razia90razia90
9 Historia
0 Seguidor
0 Compartilhar

O que os agrotóxicos fazem no nosso organismo?

Os agrotóxicos se tornaram vilões e boa pauta para teorias da conspiração. São diversas considerações negativas sobre o assunto.

Afinal, os agrotóxicos são produtos químicos colocados nas lavouras para que se assegure a produtividade e se evite doenças causadas por pragas que podem comprometer a colheita.

Esses produtos são também conhecidos como defensivos agrícolas, mas como o intuito é de matar pragas, fungos e outras coisas o pouco que sabe sobre eles é que nos chega facilmente aos nossos pratos, por intermédio das prateleiras dos supermercados ou nos cardápios dos restaurantes.

Ninguém sabe exatamente quais são os riscos escondidos.

Quem cuida da regulação desses produtos?

A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) é um dos órgãos do Governo Federal que tem a responsabilidade de avaliar, liberar ou mesmo proibir o uso de agrotóxicos.

Já são centenas e centenas presentes no nosso dia-a-dia. Existe uma estimativa do Governo que até o final de 2019  300  novos agrotóxicos serão liberados. Hoje são mais de 239 produtos autorizados até o mês de junho e mais 400 esperam na fila.

De acordo com o Ministério da Saúde, os agrotóxicos ocupam o 2º lugar no ranking dos maiores causadores de intoxicação no Brasil. Mas levanta-se também a questão de que não existem estudos consistentes a respeito da influência em longo prazo dos agrotóxicos no organismo dos seres humanos.

Quais doenças esses produtos podem causar?

Bom, em junho de 2019 foi publicada a

Os agrotóxicos estão presentes em diversos alimentos como legumes, verduras e frutas. É difícil saber quais são aqueles que estão realmente livres ou não desses venenos para o nosso organismo.

Como prevenir?

Na dúvida, melhor é aprender como retirar os agrotóxicos dos alimentos. Aquelas velhas fórmulas da cozinha funcionam como deixar os alimentos 30 minutos de molho com bicarbonato, vinagre e iodo. Depois deve-se lavar normalmente.

Por precaução é recomendável ferver as cascas dos alimentos para garantir ainda mais a sua segurança, pois do jeito que as coisas estão andando a possibilidade de que mais veneno seja ingerido sem que nós sequer possamos imaginar é cada vez mais crescente e preocupante. Toda desconfiança é pouca. Afinal é a saúde em risco!

0
0